Pensamentos soltos / Amor de mãe

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Apenas pensamentos:

Acho que dói mais a verdade em si do que o fato de ter mentido. As palavras que não são para mim, os sentimentos que eu percebi nas linhas que foram criadas antes que eu chegasse... Não há nenhuma garantia de que agora seja diferente. Mas, pensando bem, nunca há mesmo garantia quando se trata dessas questões.

---------------------------------------------------------------------------

Pro meu filho:

Você viajou com seu pai. Está há dias longe de mim. Não consegui dormir na minha cama sem você ali do lado. Sei que você está se divertindo. Que está feliz. E eu fico feliz por você. Mas a saudade dói. Chegar em casa e não escutar sua voz, perguntar "cadê meu beijinho?" e ganhar o beijo mais doce. Até dos seus gritos e pirraças eu sinto falta - coisa estranha! rs. Sei que tenho que te "criar para o mundo". Mas você é tão meu! Tão parte de mim!
Hoje é seu aniversário. Há 3 anos, foi o dia que mudou tudo na minha vida. Entendo hoje o que é fazer com que a felicidade de alguém seja mais importante que a nossa.
Te amo do tamanho do universo.

7 comentários:

❥ elisa on 14 de novembro de 2011 19:57 disse...

Eu tava trocando os links do meu novo blog e quando vi essa atualização, não imaginei que faz tanto tempo que entro por aqui... 3 anos do Gabriel! Como o tempo passa voando! A Juliana também já vai fazer 3 anos, daqui a dois meses... e pra gente parece que o tempo não passa, sempre tão pequenos, tão nossos! ;)
Bom te reencontrar por aqui! ;**

Magui on 15 de novembro de 2011 10:02 disse...

Ainda bem que nossos filhos não são parte de nós mas apenas pessoas independentes que um dia devem voar sozinhos. Portanto, como eu, prepare-se para o futuro pois vai ser pior.

Lilica on 15 de novembro de 2011 12:35 disse...

Nossa! 3 anos já! Um homenzinho!
Mas segura as pontas aí mamãe que logo logo o filhote vai estar pertinho de você! Beijos e bom feriado

Anônimo disse...

Mãe é mãe!

Não precisa ser doente.

Fatima Valeria on 19 de novembro de 2011 11:15 disse...

Como sempre sincero...muito lindo!!!
N
Bjs

Roderick Verden on 19 de novembro de 2011 14:06 disse...

Quem ama, sem possessão, sabendo educar, creio que pelo menos merece um retorno, o mesmo amor, apesar das injustiças da vida, dos nossos que nos cercam. Tudo de bom!

Daniel Savio on 22 de novembro de 2011 12:09 disse...

Parece que a saudade doe enormemente quand habita em nosso coração...

E você pode contar comigo quando sentir saudades.

Fiquem com Deus, amiga e sobrinho.
Um abraço.

 

Copyright © 2010 Laço do Infinito by: Templates Mamanunes
Imagens Vetoriais: Easy Vectors Edição: Mamanunes